Nuvem de Oort

Nuvem de OortA Nuvem de Oort, também chamada de Nuvem de Öpik-Oort, é uma hipotética nuvem esférica situada no limite do Sistema Solar, constituída por inúmeros objetos celestes, tais como cometas e asteróides. Estes corpos celestes orbitam em volta do Sol apesar de se situarem muito longe deste. Continue a ler

Cintura de Asteróides

Asteróide Matilde, pertencente à Cintura de Asteróides.A Cintura de Asteróides (ou Cinturão de Asteróides) é uma região do Sistema Solar que possui uma grande concentração de asteróides, sendo que alguns desses corpos celestes têm várias centenas de km de diâmetro. A Cintura de Asteróides situa-se entre a órbita do planeta Marte e a órbita do planeta Júpiter. Continue a ler

Asteróide Pallas

Asteróide PallasO asteróide Pallas (de nome oficial 2 Pallas) é um elemento pertencente à Cintura de Asteróides, situando-se assim entre a órbita do planeta Marte e a órbita do planeta Júpiter. Pallas foi descoberto em 28 de Março de 1802 pelo astrónomo alemão Heinrich Wilhelm Olbers. Na época em que foi descoberto, Pallas foi considerado um planeta, porém mais tarde foi reclassificado como asteróide. Continue a ler

Chariklo – o asteróide com anéis

Chariklo - o asteróide com anéis. Crédito: ESO/L. Calçada/M. Kornmesser/Nick RisingerChariklo, um asteróide longínquo que surpreendeu os astrónomos, por terem sido detetados à sua volta dois anéis. No Sistema Solar, apenas conhecíamos a existência de anéis em quatro planetas, nomeadamente Júpiter, Saturno (o mais evidente), Úrano e Neptuno, sendo estes os 4 maiores planetas do Sistema Solar. Nunca tal tinha sido observado num objeto de pequenas dimensões como um asteróide. Continue a ler

Rosetta – Sonda espacial rumo ao cometa Churyumov-Gerasimenko

Sonda RosettaA sonda espacial Rosetta foi lançada pela Agência Espacial Europeia (ESA) em 2 de Março de 2004 com o objetivo de estudar o cometa 67P/Churyumov-Gerasimenko. Se tudo correr como previsto, a sonda Rosetta alcançará o cometa em Maio de 2014. Continue a ler

Cintura de Kuiper e o Disco Disperso

Representação artística de Éris - Disco DispersoA Cintura de Kuiper, também conhecida como Cinturão de Kuiper, é uma área pertencente ao Sistema Solar que vai de 30 UA a 50 UA de distância em relação ao Sol. O Disco Disperso é uma região em que sua porção interior se sobrepõe à Cintura de Kuiper, mas sua porção exterior se estende muito além desta. O Disco Disperso vai desde cerca de 35 UA até mais de 100 UA do Sol. Continue a ler

Cometa ISON – Informação atualizada periodicamente

Cometa ISONEste artigo tem por finalidade apresentar informações atualizadas em relação ao cometa ISON, também designado por C/2012 S1 (ISON), aquele que poderá ser um dos cometas mais brilhantes dos últimos séculos, e que poderemos observar à vista desarmada a partir de Outubro ou Novembro de 2013. Aqui está um acontecimento astronómico que vale a pena acompanhar. As atualizações mais recentes estão na parte final do artigo. Continue a ler