Némesis – Uma hipotética estrela companheira do Sol

Anã VermelhaA maior parte das estrelas que conhecemos pertencem a sistemas estelares binários, sendo que estrelas solitárias como o nosso Sol são em menor número. Porém existe quem defenda a possibilidade do Sol ter uma companheira de brilho muito fraco, que ainda não foi observada, mas que até já tem um nome: Némesis. Apesar de haver quem defenda a existência desta hipotética estrela, é pouco provável que ela exista.

É importante desde logo fazer aqui um alerta. A hipótese da existência de Némesis, nada tem a ver com o “místico” planeta Hercolubus ou Nibiru (que realmente não existe).

A hipótese da existência de Némesis explicaria algumas extinções em massa que ocorreram no passado da Terra. Assim Némesis teria uma órbita de 26 milhões de anos, sendo que periodicamente atravessaria a Nuvem de Oort nos confins do Sistema Solar, fazendo com que alguns dos muitos objetos lá existentes (nomeadamente cometas e asteróides) viessem em direção à Terra e causassem as extinções em massa. De salientar que a própria existência da Nuvem de Oort é também hipotética, porém é provável que a Nuvem de Oort exista realmente.

Que tipo de astro seria Némesis? Existem aqui duas hipóteses: poderia ser uma estrela anã vermelha, ou então uma anã castanha. Estes dois tipos de objetos são muito difíceis de serem detetados. Apesar dessa dificuldade, já foram realizadas várias observações com o intuito de se localizar este tipo de corpos celestes, como o caso da sonda WISE da NASA cujo objetivo foi de mapear o céu em infravermelho. Esta seria a melhor forma de se detetar estes corpos celestes de fraca luminosidade. A sonda WISE de fato localizou muitas estrelas de fraco brilho e também muitas anãs castanhas, porém nenhum desses corpos possuem relação com o nosso Sistema Solar. Isto torna a existência de Némesis menos provável.

Nota final: é importante não confundir a hipotética estrela Némesis com o asteróide 128 Némesis. Existe realmente um asteróide com este nome, que orbita na Cintura de Asteróides entre as órbitas de Marte e de Júpiter. O asteróide 128 Némesis possui cerca de 188 km de diâmetro. Mas, convém sublinhar, isto nada tem a ver com a hipotética estrela.

Share Button
Némesis – Uma hipotética estrela companheira do Sol
4.9 (97.33%) 15 votes
Tagged , . Bookmark the permalink.

Comments are closed.