Ursa Maior – Constelação

Ursa MaiorUrsa Maior (também conhecida por Ursa Major) é uma das constelações mais conhecidas do hemisfério norte celeste. Esta é uma constelação grande, com estrelas razoavelmente brilhantes, sendo esta uma constelação relativamente fácil de localizar no céu noturno. A constelação da Ursa Maior possui vários objetos celestes interessantes.

Desta constelação, destacam-se à vista desarmada 7 estrelas que formam um asterismo que é conhecido por “Grande Carro“, “Caçarola“, “Arado“, “Papagaio de Papel“, entre muitos outros nomes que são dados dependendo do país. Este asterismo é constituído pelas estrelas: Dubhe (estrela alfa da constelação da Ursa Maior), Merak (beta), Phecda (gama), Megrez (delta), Alioth (epsilon), Mizar (zeta), Alkaid ou Benetnasch (eta).

A partir de um observador na Terra, imaginando uma linha que liga a estrela Merak à estrela Dubhe, e seguindo uma distância equivalente a 5 vezes a distância entre estas duas estrelas, chega-se muito próximo da estrela Polar (também conhecida como Polaris). Esta estrela pertence à constelação da Ursa Menor e está muito próxima do Pólo Norte Celeste.

Na constelação da Ursa Maior existe uma binária visual muito conhecida: o par Mizar e Alcor. Mizar é na verdade um sistema de 4 estrelas ligadas gravitacionalmente, Alcor é um sistema de 2 estrelas. Porém, à vista desarmada, Mizar aparece apenas como sendo uma estrela, e Alcor também aparece apenas como uma estrela. Visualmente Mizar e Alcor surgem no céu muito próximas uma da outra.

A constelação da Ursa Maior também possui muitos dos chamados objetos do céu profundo. Nesta constelação encontram-se vários objetos do catálogo de Messier, como é o caso das galáxias M81, M82, M101, M108 e M109, e a nebulosa planetária M97.

Constelação da Ursa Maior

Constelação da Ursa Maior. Crédito: Torsten Bronger.

Share Button
Ursa Maior – Constelação
4.4 (88%) 20 votes
Tagged . Bookmark the permalink.

Comments are closed.